Instituto Multidisciplinar em Saúde

Universidade Federal da Bahia

Campus Anísio Teixeira

Simpósio em Saúde Coletiva: Caminhos da Pesquisa no Interior do Brasil

Simpósio Saúde Coletiva

Sejam Bem-vindos!

É com muita satisfação que anunciamos a realização do Simpósio em Saúde Coletiva: Caminhos da Pesquisa no Interior do Brasil. O evento acontecerá entre 9 e 11 de novembro de 2017, na Universidade Federal da Bahia, Instituto Multidisciplinar em Saúde no Campus Anísio Teixeira, em Vitória da Conquista, Bahia.

O evento é uma promoção do Mestrado em Saúde Coletiva e terá como tema “CAMINHOS DA PESQUISA NO INTERIOR DO BRASIL”. Configurando-se como uma das estratégias para ampliar o escopo de pesquisas e viabilizar o debate entre pesquisadores, discentes e comunidade em geral, sobretudo da região Sudoeste da Bahia e regiões circunvizinhas, o Simpósio em Saúde Coletiva também contribuirá para a formação profissional locorregional e estadual, a partir do intercâmbio entre pesquisa, docência, gestão, assistência, dentre outras experiências desenvolvidas entre os Programas de Pós-Graduação da área.

O Simpósio em Saúde Coletiva é um importante vetor de divulgação, articulação e consolidação do Mestrado e assume o contexto regional como um espaço privilegiado para efetivação das ações previstas em três eixos propostos:

  1. Políticas, Planejamento e Gestão em Saúde;
  2. Epidemiologia;
  3. Ciência Sociais e Humanas em Saúde;

Trará a possibilidade de apresentação de trabalhos realizados pelos docentes e por estudantes da graduação e pós-graduação, além de outros participantes, por meio de Comunicações Coordenadas. Professores, pesquisadores e demais participantes terão oportunidade de exposição de suas produções e, portanto, uma aproximação concreta para fortalecer a Pós-Graduação, sobretudo no interior da Bahia. Enfim, a programação está rica e estimulará a produção de conhecimentos e troca de experiências entre os participantes.

Deste modo, a Comissão Organizadora do Evento convida a todos a participarem do Simpósio, programem-se para discutir a Pesquisa no contexto da Saúde Coletiva no interior do Brasil.

Esperamos por você!

O Mestrado em Saúde Coletiva foi autorizado pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) em 11 dezembro de 2015, e iniciou suas atividades em julho de 2016.

É o primeiro mestrado em Saúde Coletiva da região Sudoeste da Bahia, faz parte do Instituto Multidisciplinar em Saúde, Campus Anísio Teixeira, da Universidade Federal da Bahia, situado no município de Vitória da Conquista, Bahia. O Campus é parte do projeto de interiorização da UFBA, com o objetivo de ampliar e capilarizar a oferta de vagas no ensino superior público, promover a inclusão social de segmentos excluídos da educação superior, além de expandir o ensino da pós-graduação para territórios dispersos, fomentando a inovação e pesquisa locoregional.

A implantação do curso de mestrado visa, deste modo, atender uma demanda regional e estadual para a formação de pesquisadores, docentes e profissionais na área de saúde coletiva. A criação do mestrado contribuirá para o fortalecimento da produção acadêmica e científica, maior conhecimento dos problemas de saúde local, regional e nacional e aprimoramento da atenção à saúde pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

O mestrado acadêmico pode contribuir também para o desenvolvimento regional e melhor conhecimento dos problemas de saúde e da organização do SUS. Traz a possibilidade de ampliação da produção acadêmica dos Docentes da UFBA-Conquista, nucleação de novos grupos de pesquisa, consolidação dos grupos existentes, parcerias/cooperação com outras IES e Centros de Pesquisa (nacionais e internacionais), captação de recursos financeiros junto a órgãos de fomento, além de ser estratégico para a formação de inúmeros profissionais. Gestores e docentes do estado da Bahia não precisarão se deslocar para outros centros, contribuindo para a atração e fixação de profissionais de diferentes formações.

Entre seus objetivos está a formação de profissionais de saúde e profissionais de áreas afins que busquem aprofundamento na área de saúde coletiva, de modo que contribuam para o avanço das fronteiras da ciência e tecnologia para melhoria da qualidade de vida de populações específicas, em distintos territórios, por meio do compartilhamento de teorias, métodos e técnicas entre áreas distintas e complementares. Com intuito de gerar novos conhecimentos ou tecnologias visando atender a natureza múltipla e a complexidade dos fenômenos ligados à saúde e permita a inserção no mundo do trabalho de profissionais com visão integradora, interdisciplinar e comprometida com a construção de redes produtoras de cuidado em saúde.

Atividades do Pré-Evento vinculadas ao Simpósio em Saúde Coletiva

Dia 09/11/2017 (Pré-Simpósio) (Quinta-feira)

09:00 – 12:00 – Reunião Projeto Health Rise

09:00 - Mesa redonda - Projeto HealthRise Vitória da Conquista: dados preliminares, perspectivas futuras e sustentabilidade.
Expositores: Márcio Galvão, Coordenador do Projeto HealthRise Vitória da Conquista; Davi Rumel, CPD Health Rise Brasil; Ceres Almeida, Secretária de Saúde de Vitória da Conquista

10:00 – 10:15 – Discussão

10:15 – 10:30 – Intervalo

10:30 – 11:30 – Palestra: Futuro dos cuidados com doenças crônicas na atenção primária.
Palestrante: David Basbaum

11:30 – 12:00 – Lançamento local do livro: “Saúde que funciona: a Estratégia Saúde da Família no Extremo Sul do Município de São Paulo”
Autores: Davi Rumel e Adélia Aparecida Marçal dos Santos
Local: Auditório do prédio de aulas

09:00 – 12:00I Fórum Desafios na conformação das redes de saúde mental coordenada pela Atenção Básica
Público-alvo: CAPS II, CAPS ia, CAPS AD, Crescêncio Silveira (Oficinas de trabalho)
Coordenação: Eliana Amorim e Alberto Novais Ramos Junior
Local: Sala 12 e 13

13:30 – 14:00 – Intervenção: A nova PNAB: temos muito a TEMER!
Coordenação: Vivian Honorato (Anne Santos da Costa e Paula Junqueira Mota)

14:00 – 17:00 – I Fórum Desafios na conformação das redes de saúde mental coordenada pela Atenção Básica
Público-alvo: CAPS II, CAPS ia, CAPS AD, Crescêncio Silveira e profissionais de saúde da Atenção Básica
Coordenação: Eliana Amorim e Alberto Novais Ramos Junior (Departamento de Saúde Coletiva da Faculdade de Medicina/ UFC)
Participante: Thaíse Fernandes (Coordenadora de Saúde Mental/PMVC)
Local: Auditório prédio de aulas

14:30 – 17:00 – Fórum “Avaliação da CAPES e desafios para o Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva”
Coordenação: Adriano Maia dos Santos
Local: Sala 12

10/11/2017 (Simpósio) (Sexta-feira)

09:00 – 17:00 – Sala temática: Sentidos e Sexualidade
Coordenação: Kueyla Bitencourt e Adriano Maia
Local: sala 2 extra

TENDA MARIA FELIPA – Exposição “lugares e suas produções”
Coordenação: Vivian Honorato

09:30 – 17:00 –  Agroecologia, permacultura e saúde e projeto Raízes
Coordenação: Patrícia Baier e Vivian Honorato
Participantes: NUPBEM

09:30 – 17:00 – Saúde e cultura em comunidades Quilombolas
Coordenação: Danielle Medeiros

09:00 – 12:00 – “Experiência não – farmacológica do manejo da dor: Uma perspectiva Gentle Birth
Coordenação: Edi Cristina Manfroi
Participantes: Cirandarias

14:30 – 17:30 – Oficina “Arte promovendo Saúde Mental”
Coordenação: Eliana Amorim
Participante: Klécia Mendes (Coordenadora do CAPS II) e usuários do CAPS II

ESPAÇO ANÍSIO TEIXEIRA – Rodas de conversas

09:30 – 10:30 – Formação em Saúde: transformações necessárias e possíveis
Coordenadora: Eliana Amorim
Debatedores: Patrícia Belini, Ricardo Evangelista Fraga, Cíntia Rodrigues Marques, Poliana Cardoso Martins e Clavdia Nicolaevna Kochegin

10:30-12:00Qual a formação profissional necessitamos para a conformação de uma atenção integral as pessoas em sofrimento mental no SUS
Coordenadora:  Eliana Amorim e Andrea Batista de Andrade Castelo Branco
Debatedores: Klécia Mendes (coordenadora do CAPS II), Thayse Fernandes (coordenadora da Saúde Mental) e Antônio Moura (psiquiatra), representante do SEMCID, Katiane Azevedo (vice coordenadora do curso de medicina – UFBA).

14:00 – 15:30 – Formação em Saúde: onde estão os sujeitos? Uma discussão de etnia/raça, gênero e sexualidade
Debatedoras: Noêmia Fernanda Santos Fernandes, Etna Kaliane Pereira da Silva, Éric Santos Almeida, Lucas Caires Santos, Monique Rosa Brasil, Emille Santos Silva, Manoella Alves Carneiro Chagas, Fabiana de Jesus Nascimento, José Lanio Sousa Santos, Pedro Henrique Luz de Oliveira

TÁVOLA GLAUBER ROCHA – Exposição comentada “SUS na mídia”

10:00 – 12:00 – Cinema e saúde: a produção audiovisual no IMS
Coordenação: Kueyla Bitencourt
Debatedor: Sérgio Lizias,Maricelia Braga Rocha, Shirley Batista Oliveira

14:00 – 16:30 – Qual é o SUS em foco nas séries televisivas?
Coordenação: Kueyla Bitencourt
Debatedores: Milena Maria Sarti, Isabela Arruda, Sérgio Lízias, Josê Ribas
Local: Sala extra 1

13:30 – 14:00 – Intervenção: Um grito em defesa do SUS e do Brasil!
Coordenação: Vivian Honorato, Anne Santos da Costa e Paula Junqueira Mota

LANÇAMENTO DE LIVRO

18:00 – Lançamento do livro “O PET Saúde no semiárido Baiano: uma experiência transformadora no ensinar “fazendo saúde”Local: Stand da livraria editora EDUFBA, editora UESB, editora UEFS e revista saúde.com (Hall do auditório)

18:30 – Programação cultural “Música na Universidade”
Coordenação: Luís Rogério Santos

11/11/2017 (Simpósio) (Sábado)

09:00 – 17:00 – Sala temática: Sentidos e Sexualidade
Coordenação: Kueyla Bitencourt e Adriano Maia
Local: sala 2 extra

TENDA MARIA FELIPA – Exposição “lugares e suas produções”
Coordenação: Vivian Honorato

09:30 – 17:00 – Agroecologia, permacultura e saúde e projeto Raízes
Coordenação: Patrícia Baier e Vivian Honorato

09:30 – 17:00 – Saúde e cultura em comunidades Quilombolas
Coordenação: Danielle Medeiros

09:30 – 12:00 – “Arte promovendo Inclusão das Pessoas com Deficiência”/APAE
Coordenação: Paula Junqueira Mota

14:00 – 17:00 – Projeto Palmas
Coordenação: Marcia Zanuto e Cassiara Melo

ESPAÇO ANÍSIO TEIXEIRA – rodas de conversas

09:30 – 11:30 - A Residência Multiprofissional em Urgência.
Coordenadora: Eliana Amorim
Debatedores: Patricia Pires, Daniela Goulart, Sóstenes Mistro

TÁVOLA GLAUBER ROCHA – Exposição comentada “SUS na mídia”

10:00 – 12:00 – Cinema e saúde: a produção audiovisual no IMS
Coordenação: Kueyla Bitencourt
Debatedor: Sérgio Lizias

14:00 – 16:30 – Qual é o SUS em foco nas séries televisivas?
Coordenação: Kueyla Bitencourt
Participantes: Poliana Martins, José Patrício, Sérgio Lízias

13:30 -14:00 – Intervenção: A cura gay?
Coordenação: Vivian Honorato (Anne Santos da Costa e Paula Junqueira Mota)

18:30 – Programação cultural “Música na Universidade”
Coordenação: Luis Rogério

Dias 10 e 11/11/17

10:00 – 17:00- Espaço Sérgio Arouca [Atividades Permanentes]

  1. Mestrado em saúde coletiva (Quiosque central)
  2. Programa de pós-graduação em Biociências
  3. Programa de pós-graduação em Ciências Fisiológicas
  4. Residência Multiprofissional em Urgência
  5. Núcleo Regional de Saúde (NRS)
  6. Polo de educação Permanente em Saúde
  7. O papel do IMS na produção de pesquisas e extensão (cursos de graduação)
progrmasimposisc

Data: 09 de novembro de 2017 (Quinta-feira)

Os minicursos acontecerão na manhã e a tarde do dia 09 de novembro, no prédio de aulas da Universidade Federal da Bahia, Campus Anísio Teixeira. Terão duração de 4 e 8 horas. É possível que cada participante se inscreva em até dois cursos com duração de 4h, desde que não sejam oferecidos no mesmo turno.

Todos os minicursos têm vagas limitadas, que serão distribuídas mediante confirmação de inscrição e pagamento. O participante deve se inscrever presencialmente no Laboratório Interdisciplinar de Saúde (LIS), localizado no prédio de aulas da Universidade Federal da Bahia, Campus Anísio Teixeira. No período de 23 de outubro a 01 de novembro de 2017, os valores dos minicursos, serão: R$ 20,00 (Docentes e profissionais) e R$ 10,00 (estudantes de graduação e pós-graduação).

No dia 09 de novembro de 2017, serão realizadas inscrições dos minicursos, condicionados a existência de vagas pelo valor de R$ 30,00 (Docentes e profissionais) e R$ 20,00 (estudantes de graduação e pós-graduação).

O credenciamento será realizado no hall no prédio de aulas da Universidade Federal da Bahia, Campus Anísio Teixeira, no horário de 08:00 às 08:50. Aos cursistas, será oferecido certificado de participação. Maiores informações podem ser solicitadas mediante o endereço de e-mail: minicursosimposiosaudecoletiva@gmail.com

Minicursos * (09:00-11:30h e 13:30-17:00h)

Minicursos Responsáveis n.º vagas Carga horária Turno
A importância da cartografia no SUS Juliana Oliveira Santos 20 4h Manhã
Estatística em Saúde: Oficina para construção de modelos regressão Taiane Gonçalves Novais 15 8h Manhã e tarde
Fitoterapia no SUS Patrícia Baier 20 8h Manhã e tarde
Corpo sujeito: caminhos para o autocuidado Ricardo Evangelista Fraga 15 4h Tarde
Educação Popular em Saúde Danielle Medeiros 20 8h Manhã e tarde
Promoção da saúde e cidades saudáveis: a implementação de hortas urbanas Vivian Honorato e GrasiellyPiton 15 8h Manhã e tarde
Vivência de brincadeira como instrumento para a promoção da saúde Carmem Virgínia Moraes da Silva 15 4h Manhã
Sexualidade e gênero (trans) formando o sistema de saúde Kueyla Bitencourt 15 4h Tarde

Resultados de Resumos e Orientação para Apresentação

A Comissão Científica apresenta, conforme links abaixo, os resultados dos trabalhos aprovados para apresentação no “Simpósio de Saúde Coletiva: caminhos da pesquisa no interior do Brasil”.

Informamos que foram recebidos 357 trabalhos para apreciação. A análise foi realizada às cegas por professores pertencentes às instituições envolvidas no Simpósio.

Foram aprovados 295 trabalhos, assim distribuídos:

  • Eixo 1- Estudos ou experiências com grupos populacionais específicos ou relacionados aos ciclos de vida, 102 trabalhos;
  • Eixo 2- Formação em Saúde e Educação Permanente em Saúde, 40 trabalhos;
  • Eixo 3- Organização dos serviços de saúde, 51 trabalhos
  • Eixo 4- Prevenção, controle ou tratamento de doenças e agravos à saúde, 51 trabalhos
  • Eixo 5- Promoção da saúde, 51 trabalhos.

Informamos que alguns trabalhos foram realocados de eixo temático. Assim, os autores devem buscar os resumos pelos títulos dos mesmos.

O autor principal do trabalho deve realizar e pagar a inscrição no Simpósio até o dia 01 de novembro de 2017. Apenas serão inseridos na programação científica e nos anais do evento os trabalhos que os autores principais estiverem com a inscrição efetivada.

Informações sobre a Apresentação dos Trabalhos

  • Todas as apresentações serão orais. Não haverá Pôster impresso.
  • As apresentações ocorrerão em Salas de Coordenações Coordenadas.
  • A apresentação de cada trabalho deve durar no máximo 10 minutos.
  • Os autores deverão preparar suas apresentações em programa de editor de slide (powerpoint ou similar) e enviar até o dia 05 de novembro de 2017 às 23:59 para o e-mail: simposiosaudecoletiva@gmail.com
  • As apresentações não enviadas previamente, conforme informações do item anterior, não serão incluídas na programação do evento.
  • Cada apresentação deve ter no máximo 10 slides. Não serão aceitas apresentações com número superior de slides.

As informações sobre as datas, horários e locais das apresentações serão enviadas por e-mail até o dia 07 de novembro de 2017.

Presidente do Simpósio

Adriano Maia dos Santos

Comissão de Programação, Administrativa e Financeira

Adriano Maia dos Santos (Coordenação)
Danielle Souto de Medeiros
Ana Áurea Alécio de Oliveira Rodrigues
Márcio Vasconcelos Oliveira

Comissão Pré-Evento

Nília Maria Brito de Lima Prado (Coordenação)
Kueyla de Andrade Bitencourt
Eliana Amorim de Souza
Poliana Cardoso Martins
Vivian Carla Honorato dos Santos de Carvalho

Comissão Científica

José Patrício Bispo Júnior (Coordenação)
Daniela Silva Rocha

Comissão Comunicação e Divulgação

Daniela Arruda Soares (Coordenação)
Márcio Galvão de Oliveira
Raquel Souzas

 Programas de Pós-graduação

  • Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva, do Instituto de Saúde Coletiva (ISC-UFBA);
  • Programa de Pós-Graduação em Saúde, Ambiente e Trabalho, da Faculdade de Medicina da Bahia (UFBA);
  • Mestrado Profissional em Saúde Coletiva, Universidade Estadual de Feira de Santana;
  • Mestrado Profissional em Enfermagem, Universidade Estadual de Feira de Santana;
  • Programa de Pós-Graduação em Enfermagem, da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia.

Apoio Financeiro

  • CAPES – Edital 03/2017 – Programa de Apoio a Eventos no País – PAEP

Parceiros

  • Observatório de Análise Política em Saúde, Instituto em Saúde Coletiva, da UFBA
  • Projeto Health Rise – IMS-CAT-UFBA

Simpósio Saúde Coletiva


Sistemas SISCAT